quarta-feira, 21 de abril de 2010

Alcir Dias - Adrinkas e Africanidades (exposição)

A Galeria do CINE SANTA TERESA

APRESENTA
“ADINKRAS E AFRICANIDADES”
Exposição de Alcir Dias

Rua Paschoal Carlos Magno,136 - Lgo. dos Guimarães/Santa Teresa - Rio de Janeiro - RJ
De 30/04 a 28/05

SÍMBOLOS ADINKRAS

Considerado como um objeto de arte, o adinkra (adeus, em twi) constitui um código do conhecimento referente às crenças e à historia deste povo. A escrita de símbolos adinkra reflete um sistema de valores humanos universais: Família, integridade, tolerância, harmonia e determinação, entre outros. Existem centenas de símbolos e a maioria deles é de origem ancestral, sendo transmitidos de geração em geração. Muitos representam virtudes, sagas populares, provérbios ou eventos históricos. Os ganeses geralmente escolhem suas roupas para usar segundo o significado das cores e dos símbolos estampados nelas. A estampa e a cor expressam sentimentos de ocasiões específicas como festas de funerais, festivais tradicionais, ritos de iniciação como o da puberdade, casamentos, durbars etc. Alegria está relacionada a cores alegres e ao branco, enquanto que para funerais e luto predominam as cores como azul e vermelho escuro, marrom ou preto. Quando as pessoas vestem vermelho escuro ou marrom, isso significa que recém perderam um parente próximo. A cor preta ou azul escuro demonstra a dor prolongada pela perda de uma pessoa amada como os pais, filhos ou companheiro.


Fonte: e-mail gentilmente enviado pelo artista plástico Alcir Dias em 20 de abril de 2010.

2 comentários:

lita duarte disse...

Oi, Ricardo.

Tudo bem com você?

Boa dica.
Não vou perder.

Beijos.

Ricardo Riso disse...

Estarei no dia presente no dia da abertura. Alcir é um grande amigo.
Vemo-nos lá!
bjs